sexta-feira, 19 de março de 2010

UMA VERDADEIRA VIOLAÇÃO DUMA LINGUA ROMANICA

Hoje li  “EU AMO VOCE“ .Tambem ja ouvi coisas como VOU DIZER ELA, dito por portugueses, não no Brasil ....

Uma violação impressionante de estructuras básicas duma lingua románica. Não é falar dialectos que tem as suas proprias estructuras, nem falar calão que tem o seu proprio vocabulario, é simplesmente uma destrucção do sistema lógico da gramática portuguesa. Parece que é o que se pode ouvir nas telenovelas brasileiras: fala-se uma lingua ao nivel da nulidade dos actores e dos argumentos.

Uma coisa é utilizar uma lingua simples com um vocabulario reducido ou seguir por exemplo a tendencia de sustituir o condicional pelo imperfeito, muito bem ....... as pessoas tem direito a ser limitadas e a não querer ver as riquezas da lingua, mas EU AMO VOCE ou VOU DIZER ELA são frases linguisticamente muito debaixo do nivel de EU TARZAN,TU JANE. 

Como próximo passo só fica dizer EU QUERER COMER, TU IR BARCO PESCAR ....

17 comentários:

mdsol disse...

Wolkengedankenzinha

Sinal dos tempos! Esta crítica só podia vir de alguém com uma língua tão elaborada como o alemão!

Beijinhos

:)))

intimidades disse...

Infelizemnte ja ninguem tem o orgulho de falar bem a lingua materna. Ninguem se importa, ninguem corrige os erros, querem apenas dizer o menos possivel para conseguir o maximo possivel

Beijos
Paula

Zoe disse...

viva wolken
a fénix está de volta!
tens razão, também fico com a ditar fumo pelas orelhas com essas alterações da língua portuguesa, e quando uma pessoa diz qualquer coisa ainda os outros ficam ofendidos. ouve esta num jantar. alguém disse: vi ele. e eu: vi-o. réplica: ah, também viste ele???
beijinho
zoe

WOLKENGEDANKEN disse...

Critica,nao, Solzinha. Só uma observacao.Sabes que sou romanista e gosto das linguas romanicas e acho muito negativo o que está a acontecer com o portugues porque nao é uma evolucao, e uma desfiguracao. Utilizar pronomes em nominativo onde se deviam utilizar dativos e acusativos significa uma incomprehensao total do sistema basico da lingua. A influencia brasileira talvez seja um enriquecimento em termos de vocabulario,nao sei, mas em termos de gramatica é uma reduccao ao já citado Eu Tarzan, tu Jane.

WOLKENGEDANKEN disse...

Ola Paula,nesta questao tu es ainda mais pessimista do que eu :))

WOLKENGEDANKEN disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
WOLKENGEDANKEN disse...

Ola Fénix ! Entao como foi a passagem pelas cinzas :)

Sim,"vi ele" para mi é irritante, agora para ti .... imagino que deve doer.

Tambem é um fenómeno social interessante. Por exemplo na Franca onde há tambem uma grandissima influencia linguistica de paises africanos e do Maghreb, falar um frances correcto é um factor de prestigio social é uma condicao incontornável para uma "ascencao" social e/ou profissional.Em Portugal, parece que a tendencia é differente.

A lupa de alguém disse...

Encontrei este blog através de um outro q gosto de visitar. Gostei muito das imagens e descrições que faz. Realmente a língua portuguesa está a perder qualidade. Nem imagina como os jovens de hoje escreve SMS's no telemóvel, por vezes tenho de ler e reler para decifrar as mensagens. Enfim...

WOLKENGEDANKEN disse...

Ola Caetana ! Bemvinda :)) Já fui a visitar o seu blog e como gosto muito dos sitios onde as pessoas contam a sua vida diaria vou visita-la com frequencia

intimidades disse...

hahahahaha

realmente acho que me estou a tornar pessimista

tenho de mudar isso ja.

Beijos
Paula

mdsol disse...

Wolkengedankenzinha

Não te zangues. As tuas observações são pertinentes. E os atropelos à língua são mesmo muitos.

Eu amo você = Eu amo-te ou Eu te amo. Os brasileiros usam o você e o tu com o mesmo "valor".

Não me parece que Eu amo você seja igual a "eu querer comer". Para ser igual teria de ser Eu amar você.

Espero que apareça aqui alguma professora de português que te esclareça melhor e saiba discutir melhor contigo.

Muitos beijinhos p'ra você eh eh eh

:))))

WOLKENGEDANKEN disse...

Nao estou zangada, só tenho um lado purista em materia de linguas :))

"Os brasileiros usam o você e o tu com o mesmo "valor"."
Sim, mas isso nao é o problema."Eu amo tu" nao é melhor do que "eu amo voce".VOCE e TU sao nominativos e nao se podem usar nem como acusativos nem como dativos.

BEIJINHOS P´Ra VOCE TAMBEM :)) Só para completar: aqui o "voce" é correcto porque "para" é uma preposicao :))Bom,bom talvez os puristas em gramatica as vezes sejam um pouco chatos ....

mdsol disse...

Mas o Te não é uma variação do Tu? Assim como é Ti e Tigo?

Escrevo para "ti"
Gosto de falar "contigo"
Gosto de saber se "tu" estás bem


Ora o que acontece é que o "você" é sempre igual. Portanto...

Mais beijinhos para ti

:)))

Zoe disse...

viva Wolken
já regressei de terras checas que gostei muitíssimo. ainda pensei dar um pulo a Viena, mas estava tão cansada que não deu!
terá de ficar para a próxima.
beijinho
zoe

WOLKENGEDANKEN disse...

Ola Zoe ! E para a proxima, quando passares por Viena, tens uma guia turistica aqui.

Anônimo disse...

Mas a língua portuguesa não está a degenerar, no Brasil. Simplesmente seguimos uma tradição que vem do português medieval (e enriquecida pelas influências africanas e ameríndias). Se o português europeu a abandonou, problema vosso. De qualquer forma, somos 190 milhões a garantir a permanência e relevância da língua portuguesa no mundo (a 5ª em número de falantes: http://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_l%C3%ADnguas_por_total_de_falantes_nativos ). Se, por arrogância de puristas lusitanos, fôssemos forçados a renomear nossa fala para língua BRASILEIRA, ainda seríamos a quinta mais falada. Mas, aí, a língua PORTUGUESA conservadora, reduzida à sua pequenez lusitana, estaria lá pela 80ª posição, logo atrás do shona, do min bei, do zulu e do sylheti ( http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_languages_by_number_of_native_speakers )

http://www.filologia.org.br/ileel/artigos/artigo_253.pdf

"Não se pretende, aqui, defender o uso da escrita segundo a fala, mas chamar a atenção para um fenômeno que existe na linguagem moderna, e já existia, tanto na fala como na escrita, desde os primeiros escritos do português. Comprovam-no exemplos de textos do português arcaico, como os seguintes, coligidos por Silveira Bueno (1965):

“... e porque a vosso irmão encomendei os povoos, encomendo ellas a vós.” (Zurara – C. Da Tom. de Ceuta – 70) – objeto direto.

“Item mandamos que todolos porcariços que trouxeram porcos no campo dem eles a seus senhores.”
(Forais). – objeto direto

“El Rei mandou-o logo prender e levaram ele a Mateus Fernandes de Sevilha.” (F., Lopes – C. de
dom Fernando – cap. 46). – objeto direto.

Observe-se que o pronome pessoal do caso reto (ele) e o do caso oblíquo (o) se revezam,
funcionando ambos como objeto direto.

“Mais os de Bar eram alongados pelo mar, que eles non viiam os da terra nem os da terra eles. “
(Lenda de S. Nicolau)

Nesse exemplo, o uso do mesmo pronome (eles), antes como sujeito, depois como objeto, parece ser um indicativo de que não havia uma rigidez absoluta de função.

“... pera calçar sy e eles.” (livro das doações de D. Dinis – Arch. XII – pg. 169)

Vê-se, no exemplo anterior, o pronome oblíquo sy e o reto eles em função complementar.

“... desqui vi ela. ( C. V. 585). – objeto direto.

“...mas sigamos ella que he nosso criador.” (V. Benfeitoria – 51) – objeto direto

“Traziam quatro honrados senhores um panno d’douro tendido em haste, que cobria elle e o cavalo.”
(F. Lopes – D. Fernando – c. 36) – objeto direto.

“lembras-me ella, que sonhando,
nos olhos de quando em quando
reflecte a luz da manhã.” (João de Deus – “Campo de Flores” – objeto direto

“Furtam pelo modo imperativo, porque, como têm o mero e misto império, todo elle aplicam
despoticamente às execuções na rapina.(Vieira, Sermões,334)–objeto direto.

Por sua vez, Hauy (1994) nos mostra exemplos assim:

“E Judas dezia a Josef que tomasse ele per servo.”– objeto direto

“E o senhor disse ... que enforcariam ell”. – objeto direto

Sérgio Cardoso Morales - Pelotas, Brasil

WOLKENGEDANKEN disse...

Disculpe, só hoje vi o seu comentario interessante. Pois, sim, da para reflexionar .....