quinta-feira, 10 de julho de 2008

BALANCO DO CAMPEONATO EUROPEIO DE FUTEBOL

Só umas fotos comentadas dum espectaculo completamente novo para mim.

Já começou em abril com uns anuncios muito raros. Raros porque no futebol a rivalidade entre Austria e Alemanha aproxima-se a uma guerra. O catastrofico sob o ponto de vista austriaco é que as alemaês sabem jogar ao futebol e a nossa equipa nacional - melhor esquecer ..... Agora amor entre a torcida dos dois paises .......




Primeiro apareceram as bandeiras grandes ....

depois a polemica sobre bandeiras pequenas para por nos carros. Foi um assunto muito engraçado porque foi necessario suspender uma lei durante o Campeonato para dar permisso as pessoas de levar bandeiras nos seus carros, direito normalmente reservado ao presidente da republica. Criou-se a frase muito sofisticada "uma bandeira: um patriota, duas bandeiras: um idiota ....... em fim a poesia e o futebol nao sao do mesmo universo...

O que achei muito simpatico eram as pessoas que exhibiam bandeiras de diferentes paises nos seus carros, janelas, verandas .....



Austria e Grecia

Austria e Turquia. Dado o grande numero de emigrantes de origem turco essa combinacao era frecuente.

A grande maioria dos turistas viajaram paficicamente em metro. Em "outfit" as vezes muito original ....




Alguns excentricos escolheram outros meios de transporte .......


Eu tinha imaginado que tudo o espectaculo seria horrivel e que haveria que se esconder durante tres semanas. Mas de facto foi uma grande festa muito divertida. Até eu que nâo gosto muito de futebol foi varias vezes no centro da cidade para ver a "fanzone".

Havia muitissima policia mais practicamente nâo tinham trabalho, estavam a bater papo




E até no dia da final tanto os alemaês como os espanhois comportaram-se como outros turistas


Estos até adoraram ser fotografiados ....

7 comentários:

ALMARIADA disse...

Olá! Gostei muito deste post!

E gosto muito do seu português! :)

Já dei aulas de português a estrangeiros e gosto muito de ouvir os estrangeiros falar e escrever! português! :)

e também gostei de saber que foi tudo tão feliz e agradável com os estrangeiros e o futebol.

Gosto de boas notícias - gosto muito mais de boas notícias do que de futebol... ;)

E achei graça a essa lei das bandeiras, também.

Tudo bom para si!

WOLKENGEDANKEN disse...

Ola almariada !
Obrigada pela visita.Gosto das pessoas que gostam das boas noticias :-)
Sou professora de linguas ( mas naturalmente nao de portugues ) e sei o que quer dizer com que gosta do meu portugues :-)As vezes e muito engracado ler e ouvir as originalidedes dos estudantes :-) mas é so assim que se aprende, quem nao arrisca frases complicadas sempre fica na mesma.

Já sabe que somos tudos estrangeiros no mundo inteiro excepto em só um pais !

cumprimentos optimistas !

ALMARIADA disse...

"somos tudos estrangeiros no mundo inteiro excepto em só um pais"

gostei muito desta frase! :)

e está absolutamente correcta em português, embora os portugueses provavelmente escrevessem "num só país"

mas assim como está é mais original, claro! e, portanto, mais bonita ;)

Tudo bom para si

mdsol disse...

Nem imaginas como gostei de ler este teu post.
Por muitos motivos. Um desses motivos consiste no facto de tu teres descoberto a festa que o futebol pode ser e é na maioria das vezes. Sem preconceitos, nem acentuando os aspectos negativos. E mesmo sem seres uma adepta fervorosa do futebol. Afinal, qual é o campo de acção humana que não tem problemas? Eu não acho que o futebol tenha mais do que qualquer outro, só que está mais exposto ao escrutínio diário de todos. Outro motivo foi perceber que não te deixas "dominar" por aquilo que eu chamaria complexo intelectual. Ou seja, como se quem gosta da cultura em geral não pudese gostar também desta forma da cultura humana mai sligada ao corpo e ao jogo. Enfim! Uma agradável surpresa que me alegra bastante. Gosto muito de pessoas "open mind".
:))

WOLKENGEDANKEN disse...

Ola Sol !
Eu sei o que chamas esse "complexo intelectual". Mas entre nos, esse tipo de pessoas ainda nao passou do "primer nivel da intelectualidade" :=) Acho que o grande privilegio que tem uma pessoa verdadeiramente culta (por acima do primer nivel :=) ) é precisamente poder entrar e mover-se em muitos "espacos" de todos os tipos. Pode por exemplo pela manha conversar num mercado sobre receitas de cocinha, a melhor forma de plantar ervas,os pros e contras da ultima cor de moda etc. etc depois almorcar com amigos e discutir - la sei - sobre o conceito do tempo na obra literaria de X, pela tarde ir por exemplo a um partido de futebol e gritar e emocionar-se quando a sua equipa marcar um gol e pela noite ir ao teatro, numa exposicao, num concerto , na opera .... e gozar de todas essas actividades e sentir-se bem en todos os ambientes. Nao é isso a plenitude da vida? O problema é que é dificil encontrar pessoas com quem se pode compartilhar todos essos espacos. Eu por exemplo tenho "amigos para a cabeca","amigos do coracao", "amigos criativos" etc ....

Nao entendo grande coisa do futebol embora tenha vivido muitos anos com um futebolista que sempre contava que nao lhe passou na sua vida nada mais impressionante que jogar nos grandes estadios e receber a energia do entusiasmo de decenas de miles de pessoas.Bom.... Mas tenho um colega de trabalho que aproveitou do eurocampeonato para me ensinar "aspectos basicos da arte futebolistica" e o director da escola onde ensino, que é um grande "fan", nos comprou dois ecras gigantes para a sala de professores para os colegas nao perderem todos os partidos :-).

Resume de este comentario larguissimo: viva a vida em todos os seus aspectos e adoro encontrar pessoas como tu - tambem se é so por internet - que compartilham essa posicao.

WOLKENGEDANKEN disse...

Ola Almariada ! Entao é " num só pais" Obrigada. Prefiro a versao menos original :=)

Eu tambem gosto dessa frase. Parece simples mas tem muita profundidade: que é o que é um estrangeiro ? Para quem viaja muito e conheca a pessoas de muitas culturas é um conceito que se torna mais e mais absurdo..

ALMARIADA disse...

"somos tudos estrangeiros no mundo inteiro excepto em só um pais"

Oh, desculpa, mas... não tinha reparado no "tudos"... :(

é: "todos"

e continuo a achar mais giro "em só um país"! ;)

tenho uma amiga dinamarquesa que acho que também escreveria assim... tem a ver com a estrutura da vossa língua materna, suponho, porque eu não sei nem alemão nem dinamarquês...

e, já agora, para evitar o esquecimento do feminino há quem escreva "tod@s" em vez de "todas e todos", gostava de saber o que pensas disto e se, em alemão, este problema também existe.

Tudo bom para ti!